Notícias

Sem quórum, assembleia de servidores não consegue unir forças por melhor índice de RGA

EDUCAÇÃO | 23/05/2018 09h 28min

Cerca de 200 servidores públicos de Lucas do Rio Verde participaram agora a noite da assembleia da categoria para discutir propostas para melhorar o índice a ser aplicado pelo município dentro da Revisão Geral Anual (RGA) da categoria. Como não conseguiu reunir 30% do total de servidores da Prefeitura, o sindicato dos servidores públicos não pode pautar uma possível paralisação nos serviços como forma de pressionar o Executivo a melhorar a proposta de 3,3% de revisão e R$ 240 de vale alimentação oferecidos pelo município.

A ideia do Sinserpm era seguir o exemplo do Sintep, que reúne os trabalhadores do ensino público, que faz greve de advertência nesta quarta-feira. Porém, por mais que a diretoria se esforçasse não conseguiu reunir nem metade do mínimo para garantir quórum. A presidente do sindicato, Karime Souto, debateu com os servidores, respondendo questionamentos sobre a legalidade de declarar sem a quantia mínima de servidores presentes em assembleia. A sindicalista lamentou não ter conseguido respaldo na assembleia da categoria, mas pediu que os servidores acompanhem a votação da RGA, cujo projeto está tramitando na Câmara e pode ser votado nos próximos dias.

“Que compareçam nas próximas sessões, porque é o que faz peso, a gente está mostrando a nossa indignação, se bem que hoje a gente não atingiu o quorum suficiente pra gente tomar alguma medida, mas a gente está mostrando a nossa indignação e insatisfação quanto a esses números”, ressaltou Karime, acreditando que a presença abaixo do esperado pelo sindicato pode ter haver com o temor de ocorrer algum tipo de represália. “Ainda existe o assédio moral, independente de gestor que está isso ainda acontece, difícil dizer, mas ainda acontece”.

Independente de uma medida mais drástica, o sindicato vai encaminhar ofício à Prefeitura alegando não concordar com os índices propostos. A presidente cita que o descontentamento ocorre em razão de um aumento real de 11% no IPTU e de um projeto que estabelecia a criação de verba indenizatória para prefeito, vice-prefeito, secretários e diretores em torno de R$ 6 mil.

“Se o projeto veio para a Câmara, subentende-se que havia dinheiro previsto pra isso. Com base nesses dados a gente estava pedindo o reajuste em torno de 8% e o vale alimentação em R$ 280”, justificou a presidente, citando ainda o grande número de servidores em cargos comissionados, cujos vencimentos são bem acima do que são pagos aos efetivos. “A gente vai continuar nessa negociação pra reduzir os valores, não que eles não mereçam,mas que chegue no equilíbrio”, concluiu.

Fonte:   Rádio Atitude FM com ExpressoMT

TARDE TOTAL

RATINHO VIOLA

Balcão de Emprego

Veja +

Contrata-se Vendedora Interessados entregar currículo na loja; Rua santa fé 168-S Centro

Anunciante: LOJA AMALI

Contato: 65 9232 2595 / silvanalemes05@gmail.com

Atualizado dia 15/04/2021

VAGA DE EMPREGO: Eletricista com experiência em parte elétrica de caminhão, interessados ligar no fone 3549-4046 | 65 99988-0268 ou entregar currículo em mãoBR 163 1141, N, AREA INDUSTRIAL, LUCAS DO RIO VERDE

Anunciante: AUTO ELÉTRICA PINHEIRINHO

Contato: 3549-4046 | 99988-0268 /

Atualizado dia 23/03/2021

 VAGA DE EMPREGO: VAGA DE TI. INTERESSADOS ENVIAR CURRICULUM NO WATS 65 99949-1318

Anunciante: AGROTRONIC

Contato: 6535495618 / financeiro@agrotronic.com.br

Atualizado dia 23/03/2021

Precisa-se de instalador de cortinas e persianas com experiência. Interessados entrar em contato pelo telefone.

Anunciante: Fabiola

Contato: 65 99316 6674 / 65 99606 9974 /

Atualizado dia 23/02/2021

Vagas para homens: - Serviços gerais - Operador de roçadeira costal e motoserra. Serviço na cidade e fazenda. Interessados entrar em contato pelo whatsapp 65 99985-8700

Anunciante: FERNANDA

Contato: 65999858700 /

Atualizado dia 23/02/2021